Seis maneiras de dormir melhor sem ter que dormir mais

S

Como já foi dito aqui algumas vezes, nós precisamos de descanso, pois não somos máquinas, mas seres humanos. Ainda que desejemos ter o rendimento de uma máquina, temos que ter consciência de que nem todas as máquinas trabalham o tempo todo. A manutenção tem que ser feita correta e regularmente – e isso serve para você! Porém, a nossa manutenção mais eficaz está relacionado às suas horas de sono. Não adianta fugir: você precisa dormir!

Então, se você está correndo contra o tempo para entregar seus trabalhos dentro do prazo, dificilmente conseguirá ter todas as oito horas de sono recomendadas por especialistas. E a notícia boa é que você não precisa aumentar as suas horas de sono para conseguir maior produtividade! Conheça seis formas de melhorar a qualidade do seu sono!

1. Estabeleça um período de tempo para dormir

Quando estabelecemos uma hora para acordar, seja ela qual for, nos programamos para estarmos em pé neste horário, não é? Pode parecer bobagem, mas quando você tem um período de tempo estipulado, seu subconsciente se prepara para aproveitar mais as suas horas de sono. Essa afirmação é tão poderosa que você não consegue controlar seu corpo, e ele mesmo irá se preocupar em aproveitar o tempo que tem de descanso.

2. Tire sonecas inteligentes

Se é para você ter uma soneca, ela tem que ser eficaz. Se não for para ser assim, é melhor nem perder seu tempo, pois poderá ficar ainda mais cansada. De acordo com a Revista Entrepreneur, você deve dormir, nesta soneca, entre às 13h e 15h e por menos de trinta minutos ou então por uma hora e meia.
Pode parecer que esses horários sejam aleatórios, mas não são. Ao dormir depois das 16h, seu corpo entrará em um ciclo longo de descanso e você não vai querer acordar tão cedo. E se é para ficar sofrendo com sono depois, melhor não piorar a sua situação!

3. Exercícios físicos ajudam a qualidade do sono

Um corpo cansado consegue te desligar com mais facilidade. Então, se você quer dormir melhor, procure fazer exercícios físicos para ajudar neste processo. A matéria afirma que exercícios físicos após às 18h são mais recomendados, pois a exaustão mais tardia ajudará que você entre em ciclos de descanso longos mais rapidamente. Dormindo com mais rapidez (e mais cedo), você terá mais horas de sono e ainda terá ciclos mais duradouros.

4. Quando puder, durma sozinha

Dividir uma cama pode ser um problema para os seus ciclos de descanso. Movimentos bruscos ou o “levanta e deita” do seu companheiro podem atrapalhar seus ciclos de descanso. A interrupção deles é muito mais comum entre pessoas que dividem a mesma cama ou quarto que daqueles que dormem sozinhos. Inclusive, estudos comprovam que casais têm 50% de chances a mais de sofrerem com problemas de sono!

5. Tome um banho quente antes de dormir

Um banho quente antes de dormir é uma das melhores maneiras de se preparar para dormir com mais qualidade. E sabe por quê? Você consegue pegar no sono com mais rapidez, pois estará mais relaxada! E se você fizer exercícios físicos à noite, tome seu banho mais quente, pois a exaustão acelerará o seu sono ainda mais.

6. Acorde na hora certa

Acordar na hora certa é mais que acordar na hora que você precisa estar em pé. A hora de levantar está relacionada à duração dos seus ciclos de descanso – que duram mais ou menos 90 minutos. Se você acorda no meio de um ciclo, você passará o resto do dia se sentindo um pouco cansada e até grogue de sono. Interromper um ciclo de sono interrompe seu descanso e afeta o seu humor e produtividade. Você pode, inclusive, calcular qual o tempo aproximado de um ciclo de descanso seu aqui!

Se você é uma mulher empreendedora que gosta de estar por dentro das principais dicas e boas-práticas, não deixe de assinar nossa newsletter. Odiamos spam! Nossa equipe se preocupa em fornecer, no máximo 1 vez por semana, as principais novidades do blog Vou De Salto. Leia mais sobre outras formas de aumentar a sua produtividade e compartilhe suas ideias!

Sobre a autora

Tatiana Leite

Bacharel em Relações Internacionais e mestranda em Comunicação Social, ambas pela PUC Minas, se interessa por todo tipo de cultura. Com uma queda por telenovelas mexicanas, pretende continuar estudando sobre o gênero ficcional e encorajar mais pessoas a seguirem suas paixões.

Comente!

Tópicos recentes

Categorias

Popular Posts

Mostrar
Esconder