Nível baixo de estresse pode ser bom?

N

Se tem uma coisa que acredito que quase todas as pessoas tem nessa vida é um pouco de estresse, não é mesmo? E nem tem como escapar, nos dias atuais, desse mal: trânsito cada vez mais caótico, as pessoas tem deixado o respeito em casa, gentileza é rara… Mas manter um nível baixo de estresse pode ser bom!

Pelo menos é o que Mike Steib, CEO do XO Group – um conjunto de empresas que ajudam as pessoas a passar por momentos marcantes da vida, seja para montar um casamento até mesmo planejar uma vida a dois – diz. Segundo ele, uma dose pequena de estresse é boa para termos motivação o suficiente para sermos mais produtivas. O ponto ideal é quando você sente urgência em algo que está trabalhando, mas que não chega a te deixar maluca.

O nível baixo de estresse pode te deixar mais produtiva

Essa urgência é acompanhada de diversas perguntas, como “Será que é esse o caminho?” ou “ Será que estou fazendo tudo certo?”. As perguntas, aliás, costumam aparecer quando fazemos algo que gostamos muito e nos importamos o suficiente para ter a preocupação de não dar certo.

Mas como eu sei o que é um nível baixo de estresse?

Bom, seguramente não é aquele que te dá vontade de arrancar os cabelos! Aliás, se é nesse estágio que você está, atenção: o estresse está bem acima do limite. Além disso, é comprovado que, desse jeito, você perca sua produtividade e não esteja apto a tomar boas decisões.

Por falar em pesquisa e tomada de decisões, foi publicado em 2012 um estudo que sugere que é melhor evitar tomar decisões quando você está se sentindo estressado. Isso porque você pode acabar enfatizando alguns pontos positivos e colocando de lado pontos negativos importantes.

Evite tomar decisões quando está estressada

The Career Manifesto

Mike Steib criou um blog chamado The Career Manifesto, onde ele divide sua experiência com o efeito do estresse no trabalho e algumas dicas sobre organização, administração, produtividade e outras questões que as pessoas podem explorar. Vale a pena conferir (o material todo é em inglês) – mesmo que já tenha 3 anos que ele não publique algo novo.

Se você é uma mulher empreendedora que gosta de estar por dentro das principais dicas e boas-práticas, não deixe de assinar nossa newsletter. Odiamos spam! Me preocupo em fornecer, no máximo 1 vez por semana, as principais novidades do blog Vou De Salto. Leia mais sobre as principais áreas para se explorar ao fazer coaching e compartilhe suas ideias!

Sobre a autora

Fernanda Leite

Fernanda tem 25 anos e é formada em Administração, mas se encontrou na Sustentabilidade. Pretende ser professora e só parar de estudar quando não der mais conta. No tempo livre, pode estar lendo ou falando de livros no canal Livraria. Ou montando quebra-cabeças.

Comente!

Tópicos recentes

Categorias

Popular Posts

Mostrar
Esconder