Empreendedorismo feminino: os melhores países para um novo negócio

E

Sim, você não leu errado: de acordo com a pesquisa Mastercard Index of Women Entrepreneurs 2017 (Índice de Mulheres Empreendedoras), existem algumas regiões no mundo que facilitam o empreendedorismo feminino! Esse pode ser aquele empurrão que faltava para você morar em outro país, já imaginou?

A pesquisa, lançada no último Dia Internacional das Mulheres e feita com 78,6% da mão de obra feminina do mundo todo, rastreou a capacidade das empreendedoras de capitalização de oportunidades locais. Ela levou em consideração a média ponderada de três componentes: os resultados de avanço da mulher no mercado, ativos de conhecimento e ativos financeiros, e o apoio às condições empresariais. Você pode conferir a pesquisa completa (em inglês) nesse link.

Empreendedorismo feminino em países em desenvolvimento X países desenvolvidos

Existem diferenças na hora de abrir um negócio nesses dois tipos de países. Nos em desenvolvimento, por exemplo, a abertura de um negócio é decorrência da necessidade de renda alternativa. As mulheres enfrentam maior burocracia, e desafios por falta de programas que apoiem o empreendedorismo, falta de estrutura e de tecnologia.

Já nos países desenvolvidos, a abertura de novos negócios é decorrente de novas oportunidades para a inovação. Além disso, existem comunidades de pequenas e médias empresas que se apoiam – o que ajuda não só na hora de manter o negócio, mas também de facilitar novas transações.

E quais são os melhores países? Chega de mistério!

A lista é a seguinte: a Nova Zelândia lidera o ranking, com 74,4 pontos (em uma escala de 0 a 100). Colada nela está o Canadá, com 72,4 pontos. Estados Unidos, Suécia e Singapura vêm logo atrás, com mais de 69 pontos cada. Já o Brasil está na 33ª posição – ou seja, na metade inferior.

Se você é uma mulher empreendedora que gosta de estar por dentro das principais dicas e boas-práticas, não deixe de assinar nossa newsletter. Odiamos spam! Me preocupo em fornecer, no máximo 1 vez por semana, as principais novidades do blog Vou De Salto. Leia mais sobre como aprender mais sobre empreendedorismo feminino, e compartilhe suas ideias!

Sobre a autora

Bela Guarino

Gerente de Inside Sales na Rock Content, formada em Relações Internacionais, mas já foi ninja, marketeira e até mesmo cosplayer. Teve seu 1º blog aos 12 anos e hoje gosta mesmo de Reiki e viajar por aí.

Comente!

Tópicos recentes

Categorias

Popular Posts

Mostrar
Esconder